DA REDAÇÃO

A Justiça da comarca de Pereira Barreto acaba de afastar novamente o prefeito de Suzanápolis, Antônio Alcino Vidotti de suas funções.

A decisão foi publicado nesta sexta, 04, e havia sido solicitada pelo Ministério Público do Estado de São Paulo. No entendimento do MP, Vidotti não reúne condições para administrar a cidade.

O novo afastamento de Vidotti se dá por um prazo de noventa dias a contar a partir do momento em que houvesse o recebimento da decisão por parte do Poder Público.

Não é a primeira vez que Vidotti é afastado. Logo em seu primeiro mês a frente da Prefeitura de Suzanapolis, o prefeito eleito, foi afastado. Naquela ocasião o afastamento durou cento e oitenta dias.

O prefeito retornou às suas funções há duas semanas, após expirado o prazo de afastamento e, através de autorização da Justiça.

A reportagem apurou que, logo que o prefeito retomou suas funções, a promotoria entrou com novo pedido de afastamento que acabou de ser deferido pela 2° Vara da comarca de Pereira Barreto.

Com o novo afastamento de Vidotti, o vice prefeito, Valter Crusca, volta a assumir o comando da Administração Pública Municipal.

Um oficial de Justiça já foi encaminhado à sede da Prefeitura Municipal e comunicou a Administração da decisão.

CORREÇÃO: 21;29

Print Friendly, PDF & Email