sexta-feira , junho 22 2018
Página Inicial / Andradina / De novo: Mário Gay volta a bater boca com mulher durante sessão da Câmara

De novo: Mário Gay volta a bater boca com mulher durante sessão da Câmara

POR Daniel César

O vereador Mário Henrique, o popular Mário Gay (PPS) voltou do recesso parlamentar mostrando que não pretende modificar seu comportamento como legislador da Câmara Municipal de Andradina. Logo na primeira sessão ordinária de 2018, ocorrida na noite da última segunda, 05, o vereador bateu boca com uma mulher.

A desavença teria acontecido no meio da sessão. Enquanto os vereadores discutiam os projetos apresentados para a pauta do dia, de repente, o vereador saiu de seu lugar e foi até o auditório, que estava razoavelmente cheio, e se dirigiu a uma mulher em particular e iniciou uma discussão com ela.

Pessoas que estavam próximo ao local afirmaram que Mário estava irritado com a mulher, mas não conseguiram compreender direito a motivação para aquela atitude. Todos os que acompanharam o caso afirmaram que a mulher não respondeu ao que eles chamaram de provocações do vereador.

A discussão teria durado poucos minutos e sequer interrompeu a sessão. Após dizer tudo que queria, Mário Gay voltou ao seu lugar e continuou participando da sessão como se nada tivesse acontecido. A situação causou revolta nos presentes porque, para eles, mostra o total desrespeito do vereador pela população.

“Ele não pode ofender e agredir uma pessoa que está assistindo uma sessão”, afirmou uma pessoa que pediu para não ser identificada temendo represálias.

Este não é o primeiro caso de acusação de discussão e agressão que Mário Gay sofre durante seu mandato. Em 2017, o vereador foi acusado de agredir uma mulher dentro da Câmara Municipal durante o dia. Ele também vem sendo processado pela mãe de seu ex-assessor por ofensas ocorridas dentro do prédio do Legislativo. Além disso, o vereador respondeu a um processo por assédio sexual contra seu ex-assessor.

Diversas denúncias contra o vereador estão paradas na Câmara Municipal, inclusive com solicitação de abertura de CEI – Comissão Especial de Inquérito – para investigar o comportamento de Mário Gay. Como ele faz parte da base aliada de Tamiko Inoue (PC do B), até o momento tudo que ele faz vem sendo corroborado por seus colegas vereadores da base da prefeita.

Print Friendly, PDF & Email

Veja também

Associação envia carta de apoio ao delegado que prendeu prefeito de Murutinga do Sul

POR Juliete Costa O SINDPESP – Sindicato e Associação dos Delegados de Polícia do Estado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display

Clique e confira