domingo , julho 22 2018
Página Inicial / Andradina / Crime hediondo: assassinato de professor em Andradina choca região

Crime hediondo: assassinato de professor em Andradina choca região

POR Naian Lucas Lopes

Imagem: Facebook

Na manhã do último domingo, 23, os moradores de Andradina ficaram chocados com a morte do professor Belino Valieri de 46 anos. Ele foi encontrado amarrado e sem roupa dentro da sua casa, localizada no município de Andradina. A polícia informou que haviam marcas de estrangulamento.

De acordo com informações das autoridades, com a morte da vítima e o roubo de uma motocicleta, suspeita-se que o crime foi de latrocínio, ou seja, assalto seguido de morte, considerado um crime hediondo, no qual o criminoso pode ser condenado a vinte anos.

Os primeiros a chegaram ao local foi a Polícia Militar após vizinhos relatarem o sumiço do professor. A PM encontrou a vítima completamente nu, amarrado e morto. As investigações já começaram, contudo, ainda não há nenhum suspeito.

A informação logo percorreu as Redes Sociais em toda a região, ganhando repercussão. Muito querido pelos moradores de Andradina, o assassinato do professor chocou boa parte das pessoas que comentavam nas Redes Sociais. Algumas pessoas também demonstraram revolta pela situação da falta de segurança em Andradina, pois este não é o primeiro crime que ocorre nos últimos anos.

Segundo apurou a reportagem, a Polícia já está investigando o caso e conta com um suspeito. O suspeito do crime é um criminoso e que já estava foragido da justiça por latrocínio. O suspeito não é do município de Andradina e estava vivendo nas ruas da cidade.

A polícia suspeita que o criminoso tenha se aproximado do professor na última sexta-feira e o acompanhado para casa. Existe a possibilidade de que, lá, para roubar o veículo da vítima, ele tenha amarrado e tirado a vida do professor. Existem fotos do suspeito percorrendo as Redes Sociais.

O Fatos Regionais irá acompanhar o caso e trará mais informações a qualquer instante.

Print Friendly, PDF & Email

Veja também

Na região, cidades do MS geraram mais empregos formais que as de SP em Junho

DA REDAÇÃO Os números de empregos formais apresentados na última sexta, 20, pelo MTE – …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display

Clique e confira