A Câmara Municipal de Auriflama iniciou nesta semana a discussão sobre o projeto de lei que proíbe a execução de músicas impróprias para menores, principalmente nos intitulados “Trenzinhos da alegria”. De autoria do vereador Marco Antônio Danieze, a ação foi durante uma sessão para dar conhecimento ao assunto aos outros vereadores.

Na iniciativa, o parlamentar solicitou ainda que uma multa seja efetuada em caso de descumprimento, no valor de 20 Ufesps – Unidade Fiscal do Estado de São Paulo, equivalente a R$ 514, sendo dobrado em casos específicos.

“Essa medida deve ser ao fato de que muitos pais têm se queixado do constrangimento a que eles e seus filhos são expostos, com a execução destas músicas impróprias aos menores, em ambientes que deveriam ser de lazer familiar saudável”, disse o vereador.

Print Friendly, PDF & Email