Após ser intimado pela Justiça, o prefeito Ademir Maschio revelou durante coletiva na última semana que os funcionários que estão constados com desvio de função serão remanejados para os cargos para qual foram contratados a partir desta segunda-feira (01).

De acordo com as informações apuradas pela reportagem, o líder de Santa Fé do Sul constatou depois de uma reunião com os representantes locais que cerca de 50 servidores, com casos de mais de 20 anos na área, estão exercendo funções irregulares na administração da cidade. Devido a essa situação, o TCE e MPE determinou de forma irrevogável o retorno dos mesmos ao cargo de origem.

Vale ressaltar que segundo bastidores da política local, quando Ademir tomou posse, assinou um termo de atribuições, deveres e responsabilidades que teria diante do município. Por causa disto, revelou que está tentando organizar a Prefeitura. “Sei dos transtornos que isso causará para alguns funcionários que há 20 anos exercia outras funções, mas como prefeito estou sendo intimado para colocar a casa em ordem”, disse ele na coletiva.

Além das mudanças, o líder do governo terá que responder aos questionamentos do Ministério Público sobre a Lei de incorporação de salários para servidores e das gratificações especiais aos cargos comissionados.

Print Friendly, PDF & Email