POR Juliete Costa

A Prefeitura Municipal da Estância Turística de Pereira Barreto informou que as parcelas das residências da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) são de responsabilidade do Governo do Estado de São Paulo. Entretanto, alguns mutuários estão reclamando dos altos valores das mensalidades e o prefeito João de Altayr Domingues (PR) resolveu buscar soluções.

Segundo as informações apuradas, Joãozinho, líder do governo pereirabarretense, tem conversado com Deputados Estaduais e representantes do Poder Executivo Estadual para encontrar medidas que podem ajudar os contemplados da CDHU a rever os valores de suas residências.

O jeans é um coringa e o item mais democrático de qualquer guarda-roupa! Clique e confira

De acordo com relatos da população, alguns mutuários teriam que pagar um valor mensal alto demais nas parcelas. Sendo que, após serem sorteados e decidirem optar pelo benefício, contaram que tinham renda familiar baixa e não poderiam pagar valores acima do que recebiam.

Após diversos pedidos, o presidente da Câmara Municipal, Cléber Mariani (MDB), reuniu-se nesta semana com os moradores para tentar achar uma solução para esse caso e explicar da forma correta como acontecerá o pagamento.

Clique e confira

Osvaldo Esperança, secretário de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Segurança de Pereira Barreto, também conversou com os mutuários e revelou a ação de Joãozinho, tranquilizando ainda mais essas pessoas que vêm reclamando. Acredita-se que a equipe do CDHU irá rever essas parcelas.

Além disso, apesar de já terem assinado o contrato e levado todos os documentos necessários para o cadastramento, eles ainda não sabem quando irão receber as chaves das casas. O anúncio da notícia se deu por meio do secretário Esperança.

Quer desvendar os segredos? Clique e descubra

Print Friendly, PDF & Email